A criança mais velha do mundo

0
13
Selam é um esqueleto de uma criança de três anos de idade Australopithecus afarensis fêmea, cujos ossos foram encontrados pela primeira vez em Dikika , na Etiópia em 2000 e recuperado ao longo dos anos seguintes. Frequentemente apelidado de bebê de Lucy , o espécime foi datado em 3.3 milhão anos, portanto cerca de 120 mil anos mais velho do que ” Lucy “.



A criança mais velha do mundo

Adicionar legenda

O esqueleto consiste em quase todo o crânio e tronco e muitas partes dos membros. As características do esqueleto sugerem adaptação ao pé ereto, bem como escalada de árvores.

A menina precisaria possivelmente que a ma~e lhe pegasse ao colo.
Uma TAC do crânio  da menina fornece informações sobre o seu desenvolvimento e o tamanho do cérebro. O volume cerebral era de 330 cm cúbicos, equivalente a um chimpazé com três anos. 

Uma reconstituição da face de Selam
a partir do crânio
descoberto na Etiópia

 Este modelo em tamanho real (à direita) foi criado por artistas, baseando-se num crânio e outros ossos encontrados na Etiópia. 

O fóssil de três anos viveu no início da nossa espécie. É o bebé mais velho do mundo, que morreu ainda em idade de amamentação, viveu a sua curta existência numa região chamada Dikikal. Localizada na margem do serpenteante rio Awash, Dikikal localiza-se mesmo em frente de Hadar, o sítio arqueológico da região etíope do vale do Rifte onde Lucy e os fósseis de muitos outros hominídeos foram encontrados. É dos locais mais difíceis à superfície da Terra para procurar fósseis humanos. Mas é um dos mais profícuos. (adaptado National Geographic Portugal. Nov- 2006)
 
Relacionado: http://ift.tt/2bOMn4u

via Blogger http://ift.tt/2jbTDIn

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here